sexta-feira, 4 de fevereiro de 2011


DEUS TE ESCOLHEU.

INTRODUÇÃO – Quatorze anos depois de Esdras chegar a Jerusalém, Neemias levou para ali um grupo de companheiros, restaurou os muros e a autoridade civil. A história começa em 446 a. C., noventa anos depois da volta de Zorobabel Esdras parece não ser mais o governador e, o povo voltado para seus antigos pecados. Tudo quanto sabemos de Neemias, cujo nome significa “Yahweh consola”; durante o cativeiro babilônico, ele ocupava a função de copeiro do rei Artaxerxes Longimano em Susã (Ne. 2:21), que reinou na Pérsia. Neemias gozava de confiança perante o rei ao expressar na face sua dor, o rei percebeu e perguntou-lhe: “E o rei me disse: Por que está triste o teu rosto, pois não estás doente? Não é isto senão tristeza de coração; então temi sobremaneira. E disse ao rei: Viva o rei para sempre! Como não estaria triste o meu rosto, estando a cidade, o lugar dos sepulcros de meus pais, assolada, e tendo sido consumidas as suas portas a fogo?” (Ne. 2:2,3), de onde surgiu a oportunidade para o copeiro fazer um pedido ao rei, com súplicas ao Deus do Céu (Ne. 2:3,4). Vejamos algumas maravilhas deste copeiro que virou estadista:
1. NEEMIAS, UM HOMEM DE ORAÇÃO -

“Então orei ao Deus dos Céus”. Se alguém pretende chegar a algum lugar terá que passar pelo Céu. Se um jovem deseja chegar ao pódio deverá primeiro passar pela porta do Céu. Se alguém aspira um cargo de chefia precisa primeiro passar pelo Céu. Se alguém sonha em casar-se deverá antes de tudo ir ao Céu. Lógico, não fisicamente, mas espiritualmente falar com o Deus dos Céus. Neemias vai revelar nos capítulos subseqüentes que tinha intimidade com Deus e comprazia em orar. Nos momentos mais difíceis que passava Neemias sabia com quem falar primeiro. Um estadista precisa desta habilidade, particularmente, desta credencial, o que está faltando nos estadistas do mundo contemporâneo.
2. NEEMIAS, UM HOMEM DE VISÃO -

“E disse: Ah! SENHOR Deus dos céus, Deus grande e terrível! Que guarda a aliança e a benignidade para com aqueles que o amam e guardam os seus mandamentos; Estejam, pois, atentos os teus ouvidos e os teus olhos abertos, para ouvires a oração do teu servo, que eu hoje faço perante ti, dia e noite, pelos filhos de Israel, teus servos; e faço confissão pelos pecados dos filhos de Israel, que temos cometido contra ti; também eu e a casa de meu pai temos pecado.” (Ne. 1:5, 6). Neemias ao receber o relatório de seu irmão acerca de Jerusalém, levantou seus olhos aos céus e começou a ver a glória de Deus e se lembrar da Aliança de Deus com seu povo. Neemias viu, a distância, Jerusalém destruída e viu também a possibilidade da reconstrução. Neemias viu seu mundo em ruínas mas viu possibilidades de mudar o quadro tomando atitudes de um verdadeiro estadista. Um estadista não tem apenas discurso ou promessa mas tem também postura e ação. Neemias partiu para Jerusalém com carta e companheiros, “Então fui aos governadores dalém do rio, e dei-lhes as cartas do rei; e o rei tinha enviado comigo capitães do exército e cavaleiros.” (Ne. 2:9). Um homem de Deus não depende tanto das leis boas ou más, mas sobretudo de Deus. Neemias partiu célere para reconstruir a cidade dos seus pais e os muros da cidade, contrariando os pessimistas e opositores. “Então lhes respondi, e disse: O Deus dos céus é o que nos fará prosperar: e nós, seus servos, nos levantaremos e edificaremos; mas vós não tendes parte, nem justiça, nem memória em Jerusalém.” (Ne. 2:20).
3. NEEMIAS, UM HOMEM PATRIOTA -

“E o rei me disse: Por que está triste o teu rosto, pois não estás doente? Não é isto senão tristeza de coração; então temi sobremaneira. E disse ao rei: Viva o rei para sempre! Como não estaria triste o meu rosto, estando a cidade, o lugar dos sepulcros de meus pais, assolada, e tendo sido consumidas as suas portas a fogo?” (Ne. 2:2,3). O povo brasileiro é patriota? Nossos políticos são patriotas? Nossas igrejas tem sentimento de patriotismo? Amamos nosso país? Muitas vezes penso que deixamos a desejar, pelas evidências como: cantamos com freqüência o hino nacional? Conservamos sua origem? Respeitamos os símbolos nacionais? Honramos nossa bandeira? Seríamos capazes de morrer pela nossa pátria? Os judeus são capazes de morrer por Israel? Os árabes são capazes de morrer por Arábia e paises congêneres. Mas nós brasileiros não temos o mesmo sentimento pátrio. Aliás nas escolas não se canta mais hino nacional. A seleção brasileira quando joga contra outro país, é um escândalo ver os jogadores irreverentes e pior, não sabem eles cantar o hino nacional. Você saberia cantá-lo na íntegra? Já ouvi alguém querendo cantá-lo em ritmo de funk ou de pagode. Que tristeza!
4. NEEMIAS, UM HOMEM DE CORAGEM -

“Porém nós oramos ao nosso Deus e pusemos uma guarda contra eles, de dia e de noite, por causa deles. E sucedeu que, ouvindo os nossos inimigos que já o sabíamos, e que Deus tinha dissipado o conselho deles, todos voltamos ao muro, cada um à sua obra.” (Ne. 4:9 e 15). Uma das qualidades notáveis de Neemias era sua coragem. Ele não temia os inimigos. Não temia os opositores. No meio dos escombros lá estava ele buscando reedificar tudo. No meio das dificuldades lá estava ele buscando em Deus força pela oração e súplica. Penso que o que deve sobrar em nós crentes para enfrentarmos o mundo e seus ardis é coragem. A coragem vence o medo, o cansaço.
Neemias foi capacitado por Deus para aquela gande tarefa,as vezes as promessas de Deus nao se cumpre em nossas vidas por causa ,do medo,desanimo,e ainda reclamos de Deus,que ele se esqueceu de nós.
pense nisso oque vc tem feito na obra de Deus,você é escolhido por Deus para essa obra.

pastor luiz carlos santos.